Saiba como usar agasalhos esportivos dentro e fora da academia


Foto: Repodução

Inverno não deve ser sinônimo de férias da ginástica. Para os friorentos, os agasalhos esportivos servem para encorajar o aquecimento ou simplesmente para a ida à academia. A Hora H desta semana mostra como usar o agasalho esportivo corretamente durante o treino e dá dicas para você adquirir o seu.

A origem dos agasalhos esportivos está intimamente ligada ao moletom. Em 1925 o moletom entrou no vocabulário. Eram casacos feitos originalmente para os atletas usarem durante o aquecimento. Com as constantes revoluções tecnológicas da indústria têxtil, os agasalhos ganharam outros tecidos como a helanca e o nylon e atualmente são as roupas esportivas que recebem os benefícios das pesquisas de novos materiais.
Depois dos atletas, foi na década de 1980 que os agasalhos esportivos ganharam as ruas por meio do “hip hop”. Os integrantes do movimento criador da “breaking dance” deram status fashion aos agasalhos de marcas como Adidas e Nike, misturadas com joias douradas. Nos anos seguintes, importantes estilistas usaram esta referência para suas criações, trazendo a moda da rua para as passarelas.

Mas o que interessa aqui é o uso do agasalho para as práticas esportivas mesmo. No treino, os agasalhos devem ser leves, confortáveis e maleáveis, isto é, permitir plena movimentação do corpo. Em ambientes internos é pouco necessário, talvez no aquecimento seja válido, porque depois de aquecido, o corpo agasalhado pode sofrer com um possível calor excessivo, o que acarreta sudorese intensa. Com isso, ele tenderá a apresentar fadiga precocemente, prejudicando o desempenho do praticante que deverá diminuir o ritmo ou descontinuar a atividade.
Os agasalhos esportivos, também conhecidos como abrigos, geralmente são feitos de poliéster ou poliamida. Ambas são fibras sintéticas que tem como características a alta resistência, leveza, fácil lavagem, não amarrotam, têm secagem rápida e baixa absorção de umidade e favorecem a transpiração do corpo. A vantagem da poliamida sobre o poliéster é o toque mais sedoso, porém o segundo é mais acessível.
Na hora de comprar seu agasalho, lembre que não deve ficar muito justo, pois ele vai ser usado sobre camiseta e bermudas. Atenção aos cortes e costuras especiais que facilitam o movimento e ao experimentar veja se o comprimento da parte de baixo está correto, para que não tropece na barra.
Assim como aconteceu com os tênis, existe uma tendência de um desenho mais retrô dos agasalhos, que lembram aqueles usados em uniformes de Educação Física de antigamente, em especial os de cores azul-marinho e cinza. Outra linha em evidência, mostra abrigos com cores mais fortes, costuras em contraste ou efeitos gráficos.
Além de serem úteis para atividades esportivas, os agasalhos podem ajudar a valorizar seu tipo físico. Para quem tem a estatura mais baixa vai ficar com a silhueta mais alongada se usar a jaqueta e calça da mesma cor. Para os altos e magros, podem escolher a parte de cima com cor mais clara e a parte de baixo com cor mais escura, formando o que os especialistas em imagem chamam de “triangulo invertido”, que dá mais ênfase a parte de cima, dando a impressão de ser mais forte, Para quem tem as pernas mais curtas, a opção é usar casacos mais curtos que dão a sensação que a parte de baixo é mais longa. Este é o tipo de modelo que deve ser evitado para os que ostentam aquela “barriga de chope”, para estes é melhor usar um casaco mais alongado ou de formato mais quadrado.
Quem gosta de sair direto da academia para um programa informal, pode levar na mochila uma calça jeans e uma camiseta pólo e usá-los com a jaqueta esportiva. Há algum tempo atrás, muitos jovens usaram a calça de agasalho com camiseta para sair para dançar, mas hoje em dia, este conjunto está em desuso. Porém, o que se deve evitar a todo custo é usar camisa de manga longa com jaqueta esportiva, porque é uma combinação perigosa. Alguns modernos usaram jaquetas retrôs com camisa e gravata, mas vamos combinar que é um estilo bem específico e que poucos acertam. Para não errar, aposte no básico esportivo!
POR RICARDO OLIVEROS

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: