Carrossel e flores enfeitam moda de Louis Vuitton em Paris


Dia de Louis Vuitton é dia de sair correndo, porque o Marc Jacobs faz questão de não atrasar o desfile. Dez horas em ponto (hora local de Paris) subiu o pano que cobria o espaço circular, revelando um carrossel branco. Cada cavalinho, uma modelo. Dali, elas saíam, andavam em volta e saíam para os camarins – que sorte, do lado da ala dos brasileiros, no setor F! Quem faz celebridades, estava feliz, fotografando Kate Moss & cia.
Na moda: flores! Flores! Aplicadas, com cristais nos miolos. O desenho é de uma margarida ou similar, de pétalas longas e vazadas. O mesmo desenho, em visuais rendados, com golinhas curtas. O colorido, doce. Azulzinho, verdinho, amarelinho, muito branco, nada muito definido, as cores de cada look vão em degradês do branco à cor. De vez em quando, um look mais escuro – não garanto se preto ou marinho, a luz da sala engana.
Já que é LV, temos que falar das bolsas. As novidades me lembraram antigas bolsas-sacolas da Melissa, aquelas gradeadas. A versão LV é metalizada, prata velha em geral. Vai ver, são de puro couro recortado a laser, de pele de sei lá que bicho. Seja o que for, no desfile, de longe, sem uma lente tele, pareciam de plástico injetado. Com cara de verão, mas pouco jeito de agradar a quem coleciona as lindas bolsas com logos.
A forma geral: vestidos retos, cortados em faixas horizontais, muitos com sobreposições de transparências, cobertos de flores – só na frente. Outro shape, dos conjuntos de saias armadas, de pala nos quadris e vestes curtas, de mangas 7/8. Estilo Chique, madame mas moderno. Uma senhora antenada usaria um casaquinho curto e reto, aberto nas costas, fechado por apenas um botão. O estranho é a transformação do corpo, porque fora os tubos com flores aplicadas, a maior parte dos looks dá uma impressão de gravidez. Pela forma, que dá uma postura e uma barriguinha falsa.
Impressionante: em menos de 10 minutos, acabou. O carrossel rodou, os cavalinhos subiram e desceram, as modelos circularam e Marc Jacobs apareceu rápido para as palmas, de calça e camisa em off-white e marfim. Competente, como o show. Até agora, não está confirmada a ida dele para Dior. Este desfile da Vuitton pode ser uma prévia do espetáculo e da riqueza das roupas que poderão ser feitas, se ele mudar de grife.
Minha impressão é que Jacobs tem o olhar mais jovem, que rejuvenesceu e deu prestígio à Louis Vuitton. Vai fazer falta na marca das bolsas cobiçadas. E Dior pode admitir um estilo mais maduro, classicão, assinado por algum designer que domine técnicas de ateliê, mais do que jovialidades.
Kate Moss foi a grande estrela do desfile da Louis Vuitton, que aconteceu em Paris nesta quarta-feira (5)
Kate Moss usou vestido branco com flores vazadas e franjas no desfile da Louis Vuitton
A bolsa bicolor também foi uma das novidades da Louis Vuitton para a semana de moda parisiense
O desenho de uma margarida ou similar, de pétalas longas e vazadas apareceu em visuais rendados, com golinhas curtas no desfile da Louis Vuitton
As flores e os tons pastel foram priorizados na coleção primavera 2012 da Louis Vuitton
As bolsas foram um dos grandes destaques do desfile da Louis Vuitton
Louis Vuitton combinou os trajes com bolsas e sapatos
Acessórios como bolsas e guarda-chuvas foram apresentados na semana de moda de Paris, na passarela da Louis Vuitton
Marc Jacobs assinou o desfile da Louis Vuitton na semana de moda parisiense

Fotos: Getty Images
POR IESA RODRIGUES

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: